top of page

Indigo amplia carteira com hospitais


A rede de estacionamentos Indigo acabou de anunciar mais um novo contrato na área hospitalar. De acordo com a companhia, o Sírio-Libanês – que possui mais de 1 mil vagas no município de São Paulo – é o mais novo cliente neste setor. A operação teve início no último dia 23 de junho.


Atualmente, o setor hospitalar representa o segundo maior segmento de atuação da Indigo no Brasil e é considerado um nicho estratégico. Mesmo durante a crise econômica, a área é uma das que mostrou mais resiliência no fluxo de veículos.


A companhia possui mais de 30 complexos hospitalares em sua carteira de gestão de estacionamentos distribuídos em todo o País. Entre eles, o Hospital Israelita Albert Einstein, o São Camilo, o Mãe de Deus e o Hospital Silvestre.


No total, são mais de 800 funcionários dedicados a atender essas operações, sendo 100 deles exclusivos para o Hospital Sírio-Libanês.


Assim como a Indigo já realiza em outras grandes operações do segmento, um dos principais serviços oferecidos será o de valet para os pacientes e demais usuários. “A confiança demonstrada pelo Sírio-Libanês em nosso trabalho, escolhendo a Indigo para assumir uma operação tão complexa, nos deixa muito orgulhosos e, possivelmente, nos trará novas oportunidades no segmento hospitalar”, afirmou o diretor comercial da rede Indigo, Roque Perachi.


Aportes


A empresa planeja investir cerca de R$ 150 milhões no Brasil até o fim de 2019, e boa parte desses recursos será destinada aos projetos de clientes corporativos, viabilizando a construção de edifícios-garagem, a ampliação de estacionamento, investimentos em melhoria de infraestrutura, compra de novos equipamentos e tecnologia, entre outras soluções.


Outros segmentos de atuação da empresa são universidades, shopping centers, aeroportos e prédios comerciais. No mundo, o grupo possui mais de 19 mil funcionários, em 16 países.


bottom of page